Vídeo mostra ataque a brasileiro morto na Austrália

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 09/10/2012 - 12h26

O estudante Roberto Laudisio Curti recebeu disparos de armas de choque (tasers) quando já estava no chão, algemado e cercado por pelo menos cinco policiais.


Nesta terça-feira (9/10) foi realizado o segundo dia de audiência do inquérito que deve determinar as causas da morte do brasileiro. Na sessão, o policial Eric Lim disse que precisava disparar novamente o taser porque Laudisio estaria tentando escapar. "Os policiais estavam perdendo o controle sobre ele e achei que o uso da arma era necessário. Depois do segundo disparo, ele se acalmou e isso permitiu que os oficiais pudessem controlá-lo", argumentou. Laudisio já havia escapado de duas abordagens policiais durante a perseguição.


Veja também na TViG:


Novas imagens mostram estudante brasileiro momentos antes de morrer na Austrália

Palavras-chave: estudante , julgamento , policial , australiano , roubar , mercado , tiros , tiro , bolachas , sbt , policiais , justiça , elétricas , brasileiro , armas elétricas , australianas , algemado , arma elétrica , australianos , inquérito , austrália , polícia , roberto laudisio , elétrica , morte , armas , australiana , arma ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos