José Sarney processa ex-diretores

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Política | 06/07/2009 - 18h55

O Senado informou que o presidente José Sarney, determinou a abertura de processo administrativo contra os ex-diretores Agaciel Maia e João Carlos Zoghbi, suspeitos de ter cometido crimes de improbidade administrativa e prevaricação.

Os dois serão processados por irregularidades em atos secretos, que seriam utilizados há 14 anos para contratação e exoneração de servidores, muitos deles amigos ou parentes de parlamentares.

Ambos poderão ser punidos com penas que vão de suspensão, por até 90 dias, à demissão.

Além de Agaciel e Zoghbi, outros 5 funcionários foram arrolados no processo.

E a Polícia Legislativa do Senado intimou os dois filhos do ex-diretor de Recursos Humanos da Casa, para depor na quarta-feira. Marcelo Zoghbi e Ricardo Zoghbi serão ouvidos sobre a suposta fraude na contratação da ex-servidora Lia Raquel Monturil. Ela teria sido nomeada à revelia, para o gabinete do senador Demóstenes Torres, do DEM, em ato secreto. Depois, ela foi transferida para o gabinete do senador Delcídio Amaral, do PT.

Palavras-chave: presidente , joão carlos zoghbi , diretores , processo , senado , suspeitos , crimes , prevaricação , Agaciel Maia , jose sarney ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos