Projeto que criminaliza homofobia tem bate-boca no Congresso

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Política | 12/05/2011 - 20h28

O deputado Jair Bolsonaro e a senadora Marinor Brito discutiram no Congresso nesta quinta-feira (12/05) após a bancada evangélica impedir a votação do projeto de lei que criminaliza a homofobia. A senadora Marinor reagiu à ação do deputado.

Bolsonaro tentou interferir na entrevista da senadora Marta Suplicy, integrante da Comissão de Direitos Humanos, exibindo panfleto contra o Plano Nacional que defende os direitos dos gays.


Leia mais em Último Segundo:


Confusão marca votação de projeto contra homofobia

Palavras-chave: votação , congresso nacional , marinor brito , band , comissão de direitos humanos , homossexuais , projeto , deputado , homofobia , martha suplicy , jair bolsonaro , congresso , criminalização , bolsonaro , LGBT , senadora , gays ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos