Renan também pagou estudos de funcionário

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Política | 16/09/2009 - 06h07

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio, cobrou do senador alagoano Renan Calheiros, líder do PMDB, explicações sobre um funcionário contratado pelo gabinete dele.

O servidor recebia salário do Congresso, enquanto estudava inglês na Austrália.

O líder do PMDB tentou minimizar a denúncia dizendo que não cabe aos senadores controlar a frequência de seus funcionários.

O caso é semelhante ao do próprio líder do PSDB, que foi alvo de representação do PMDB no Conselho de ética, por ter garantido vencimentos a um funcionário que estudava na Espanha.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

Acompanhe as notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: salário , arthur virgílio , renan calheiros , exterior , pmdb , renan , funcionário , Austrália ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos