Ministério Público pede ao SUS remédio para derrame

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Saúde | 03/08/2011 - 11h06

A Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão de São Paulo entrou com Ação Civil Pública para que o SUS distribua gratuitamente remédios para acidente vascular cerebral (AVC) isquêmico.


O tipo corresponde a 80% dos casos no Brasil, e a única droga aprovada no país não está disponível na rede pública. A ação foi distribuída à 16ª Vara Federal de São Paulo.


Na ação, o órgão do Ministério Público Federal pede que o Alteplase seja distribuído de forma gratuita e irrestrita pelo SUS. A droga é a mais indicada para combater o AVC isquêmico, que ocorre com a obstrução de um vaso sanguíneo cerebral, normalmente por causa de um coágulo.


O remédio desobstrui os vasos e restabelece o fluxo de sangue. Diante da gravidade do caso, a Procuradoria pede que a distribuição comece em, no máximo, 30 dias e em todo o território nacional.


O MPF também pede que haja treinamento e acompanhamento nos hospitais da rede pública para o tratamento do AVC, pois ele dura, em média, 4,5 horas após o início dos sintomas.


Leia mais sobre AVC na Enciclopédia de Saúde do iG.

Palavras-chave: remédio , remédios , isquêmico , acidente vascular cerebral , isquemia , derrame , pública , ministério público , EFE , cérebro , AVC , governo , gratuita , distribuição , SUS , ação , remédio ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos