Pitanguy realiza cirurgias gratuítas para pessoas carentes

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Saúde | 09/06/2011 - 14h16

O Brasil é um dos principais centros mundiais da cirurgia plástica, mas os variados tratamentos estéticos deixaram de se restringir aos mais ricos. O famoso cirurgião plástico Ivo Pitanguy coloca em ação seu "know-how" para ajudar as pessoas menos afortunadas a obter tratamento.


A lista de espera para conseguir uma consulta com o famoso cirurgião plástico é imensa. O reconhecimento não vem apenas de suas habilidades, mas também do preço. As cirurgias são cobradas com base na renda dos pacientes e algumas até saem de graça. Não é de se espantar que a clínica fique sempre cheia.


Pitanguy tem como missão tornar a cirurgia plástica acessível para ricos e pobres. Renata, de três anos, foi mordida por um cachorro quando tinha dois. A mãe da menina gostaria de remover completamente as cicatrizes do rosto dela.


Para quem vê de fora, as cerca de 30 cirurgias realizadas semanalmente podem parecer desnecessárias, como implantes mamários feitos apenas por razões estéticas. Mas os estagiários que trabalham sob a orientação de Pitanguy destacam a carga psicológica.


“Na verdade, a linha que separa cirurgia plástica de cirurgia reconstrutiva não é tão simples de estabelecer. Uma pessoa que cresceu sem seios durante a adolescência, de certa forma possui uma deficiência, uma deficiência psicológica”, afirma Ali Bouchama, estagiário.


A clínica já atendeu cerca de 50 mil pacientes e a procura só aumenta. Agora, até mesmo os mais pobres têm esperança de fazer uma transformação que pode mudar suas vidas.


Leia mais notícias em iG Saúde.

Palavras-chave: clínica , ivo pitanguy , AFP , população carente , cirurgias plásticas , pitanguy , cirurgião plástico , rio de janeiro , rio , saúde , cirurgia plástica ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Ver de novo