Tratamento para combater o melanoma

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Saúde | 05/08/2009 - 13h35

Pesquisadores espanhóis identificaram um composto sintético capaz de desencadear a autodestruição em massa de células de melanoma, o que abre as portas para a fabricação de novos medicamentos para combater o tumor de pele.

Trata-se de uma molécula sintética que ativa dois programas de morte celular: a apoptose e a autofagia.

A apoptose é uma modalidade específica de morte celular, ligada ao controle do desenvolvimento e do crescimento, enquanto a autofagia é um processo pelo qual as células são digeridas.

O grupo de cientistas do Centro Nacional de Pesquisas Oncológicas (CNIO, na sigla em inglês), dirigido por María Soengas, tinha conseguido, em pesquisas anteriores, encontrar os compostos capazes de ativar a apoptose em células de melanoma, mas estes medicamentos tinham sérios efeitos colaterais ou não eram suficientemente potentes contra a metástase.

Leia todas as notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: melanoma , cientistas , espanhóis , tratamento , pesquisa , destruição , autodestruição , saúde ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos