Carro capota a 140 km/h em corrida

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Variedades | 18/11/2011 - 17h33

A Carrera Panamericana é uma tradicional prova de velocidade, disputada no México desde os anos 1950. A corrida reúne pilotos do mundo intero, com carros de turismo, divididos em diversas categorias. Porém, a edição 2011 foi marcada por um acidente.


O Mini Cooper pilotado pelos norte-americanos de origem colombiana Pedro Vidal e José Abreu aceleravam rumo às primeiras posições., quando cruzou com o Volvo 251, dirigido pelo norte-americano Roger Sullivan e John Herzler Sr.como co-piloto.


Depois de várias tentativas, Vidal e Abreu iam ultrapassando com facilidade, a cerca de 140 km/h, quando Sullivan jogou seu carro contra o Mini, que capotou várias vezes.


Por sorte, os participantes escaparam de um acidente ainda mais grave: Vidal quebrou quatro costelas, além de hematomas por todo o corpo. Abreu saiu ileso.


Questionados pela organização da prova, os participantes do Volvo disseram que o Mini tinha vindo na direção deles e capotado. Mas o vídeo gravado pela câmera “on board” o Mini mostrou que Sullivan e Herzler fecharam os rivais, causando o acidente.


Mentira comprovada, os norte-americanos acabaram desclassificados e impedidos de participar das provas nos próximos anos.


Palavras-chave: carros , panamericana , automóvel , acideente , desclassificação , flagrante , pista , piloto , prova , automobilístico , capotamento , ultrapassagem , carro , Volvo , pilotos , corrida , acidente , carrera , Mini Cooper , flagra ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos