Demitido de empresa invade firma e mata patrão no RJ

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Vídeos da internet | 09/09/2014 - 14h42

Depois de ser demitido de uma empresa de transportes de cargas, em Bonsucesso, na zona norte do Rio, onde trabalhou por apenas 18 dias, o vendedor Marcos Alves Siqueira, de 27 anos, tentou cobrar R$ 1, 8 mil de supostos direitos trabalhistas.

Dono do estabelecimento que o contratou, o empresário Milton Eonio Tito, de 49, pediu que o vendedor procurasse a Justiça para questionar tal valor.

De acordo com investigações da Divisão de Homicídios (DH), na noite do dia 15 de agosto, Marcos e o primo Erivan Alves da Silva, de 38, invadiram a empresa, no fim do expediente. Armada com duas facas, a dupla amarrou o empresário, que teve pés, mãos e boca imobilizados por uma fita crepe.


A vítima, que estava sozinha na firma, foi estrangulada com um fio de telefone. Depois do assassinato, os primos usaram os cartões de débito da vítima por pelo menos 11 vezes. Entre os gastos estão despesas em uma casa de prostituição, em um motel e ainda em um restaurante. O corpo do empresário só foi descoberto na segunda-feira seguinte ao crime, já em estado de decomposição. A fuga da dupla foi flagrada por câmeras de segurança.

Palavras-chave: empresa , demissão , comparsa , firma , empresa de transportes , assassino , assassinato , flagra , flagrante , rio de janeiro ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos