Doença obriga atleta a correr só de costas nos EUA

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Vídeos da internet | 21/05/2014 - 12h44

Amante de corridas, Laura Cattivera, 46 anos, passou a praticar o esporte de costas após descobrir que sofria de uma doença neurológica rara, segundo o site “The Mirror”.

A distonia focal afeta um músculo ou um grupo de músculos em uma parte específica do corpo, causando contrações involuntárias.

A californiana chegou a competir na equipe de atletismo Princeton. Mas um dia, em 1989, Laura começou a notar algumas anormalidades. Com o tempo, a doença evoluiu e ela não conseguia mais correr de frente em uma linha reta. 

Sem sucesso com tratamentos, mas determinada a continuar correndo, ela resolveu tentar novos métodos. O primeiro foi fazer o exercício em zigue-zague, que também não funcionou. Até que o médico Nicholas Szumski sugeriu que ela simplesmente corresse de costas.


Assista a mais em vídeos da internet na TViG.

Palavras-chave: corrida , doença , correr de costas , estados unidos , Laura Cattivera , atleta ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos